Ah! Fado

18:22

E a noite continuava na Associação do Fado Casto. Sem horas, olhos no fado, coração onde me leva. Frio lá fora, tanto frio, a voz do Inverno que este ano tardou a aparecer, aqui quente, as vozes carregadas, muito fado, tanto, guitarras e fadistas. Num ambiente de hoje, gente jovem, muito acolhedor, na alma o fado, o saber receber, bons petiscos à mesa, um público que canta, canta este fado nosso, a todos pertence. Com as vozes de Cidália Moreira, Teresinha Landeiro, Ana Sofia Varela, Beatriz Felício e Liliana Macedo. 

E já que é o fado que hoje me traz aqui, partilho aquele que me tem acompanhado nestes dias: Lágrima cantado pela Dulce Pontes. E escrevo-vos a ouvi-lo.













You Might Also Like

0 comentários

Subscribe