Não sei se a minha cidade existe

10:07

Desta vez fui mais longe, mas sem comboio e sem carro, porque o livro chama-se "PORTO Da História e da Lenda" e o autor é Germano Silva, o famoso historiador portuense que dedica a sua vida à descoberta da Cidade do Porto. Como se nunca a fosse descobrir e perceber plenamente, como se a cidade adormecesse, todos as noites, agarrada ao seu mistério. Na capa do livro, no canto inferior direito, e muito discretamente, há uma frase de Egito Gonçalves que me prende e dela nascem, então, palavras minhas. "Não sei se esta cidade existe ou se o meu coração a vai construindo."

As frases fazem brotar novas palavras, novos pensamentos meus. E reescrevo-as. Tento reescrevê-las sem medo, sem medo de as tornar iguais, com a vontade de as fazer minhas. Agarrei-as para sempre, saem-me da boca como flores ao nascer, tal como esta cidade, minha também, que, todos os dias, nasce grande e diferente. 

Eu não sei se este lugar existe, não sei se a minha cidade existe. E o meu país? Eu nem sequer sei se Portugal existe. Só esta força que vem de dentro, só este claro e firme olhar. Que não desiste, não adormece, não morre. Porque cada lugar é um sopro novo, uma vida nova para descobrir e agradecer. 









You Might Also Like

0 comentários

Subscribe